sábado, 19 de julho de 2014

O Conto da Meia-Noite em Ponto. 4º Ato - De Volta a Veneza



No dia seguinte, o crime bárbaro virou assunto principal.
Todos diziam saber que Giovanna transformava-se em um terrível animal.
Em Marghera nunca se viu tantos homens da polícia italiana,
Que não acreditavam que tal crime macabro, tenha sido cometido por Giovanna.

Já no porto de Marghera, Giovanna seguia para Veneza.
Seus olhos banhados em lágrimas, deixavam de esconder sua tristeza.
Apaixonada por Veneza, ela via toda sua vida refletida nas belas paisagens da cidade.
A bela menina sonhadora, teve sua vida e coração destruídos pela própria infidelidade.

Sentado no bar da sala, olhando a porta entre aberta, Enzo já a aguardava.
Abriu outra garrafa de vinho e completou a taça com o ódio que não passava.
Já se via a lua tão clara e cheia como uma linda e bem desabrochada flor.
Era a noite que chegou fria, em sua sombra trazia, a presença vazia do seu amargo amor.




Nenhum comentário:

Postar um comentário